De repente fez-se silêncio numa terra estranha


De repente fez-se silêncio numa terra estranha

Um silêncio quente, paralisante

É a Lua-mãe!

E se a Lua fosse uma nave espacial?

Para viajarmos à velocidade da luz por entre constelações e buracos negros

Para viajarmos no tempo, até ao inicio da história,

Até à primeira partícula

DSC_0365
Lua Cheia “Azul” em 30 de julho de 2015 Local: Cacela Velha, Tavira, Portugal ©CarlaEspada
Anúncios

Autor: Carla Espada

Sou uma pessoa observadora, curiosa com o que se passa à sua volta

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s